6 de outubro de 2014

Planos

É o que você começa a fazer lá pelos 20 anos e só percebe que não realizou quando chega nos 40 e não tem mais tempo nem para planejá-los, muito menos realizá-los. O tipo de coisa que o jovem não pensa tanto até perceber que tudo tem um futuro.
Seu plano pode ser uma simples viagem para a praia no verão, comprar um carro popular aos 25, a aquisição de uma casinha um pouco maior que uma quitinete, lançar um livro nas maiores livrarias do Brasil, arrumar um emprego em uma grande empresa, ganhar mais que dois salários mínimos mensais ou ser uma estrela do futebol americano.
Planos, às vezes, não dão certo. Ou por você não ter capacidade para realizá-los, ou por não ter sorte - que pode ser necessária em alguns momentos -, ou por contar com o azar de um imprevisto. Tem o plano do garotão que planejava levar a namorada para o cinema e não sabia que antes disso ela planejou terminar com ele.
Tem o casal de meia idade que planejou durante quase uma década aquela viagem para Paris. Com o homem economizando no que podia para poder gastar com a esposa, até que... Seu melhor amigo chega e diz "tenho uma coisa para lhe contar". E você descobre que aquela pessoa que era a parte principal do seu plano, simplesmente, não pretende fazer uma coisa muito planejada.
Os planos podem ser dos mais elaborados até os mais comuns, como pagar a conta de luz em uma sexta-feira.
Se olhar para fora da janela agora, vai ver muitos planos passando em sua frente. O garotinho do ensino fundamental que está falando com o amigo pelo celular para formar uma banda e ter muito sucesso no futuro. Aquele homem de 35 anos que planejava a engenharia civil, mas teve um filho aos 16 e ficou sem dinheiro para pagar a faculdade. A mulher que gostaria de viver da arte de escrever, pintar, desenhar... E teve que se render às dificuldades e desistir de um grande sonho.
Se olhar para o espelho, também vai ver planos passando em sua frente. O seu plano de se formar em um universidade federal, de aprender inglês, morar uns 2 anos nos Estados Unidos, se formar em medicina, de virar político e ajudar o mundo, de ter um emprego que se orgulhe todos os dias e um filho que possa lhe ensinar tudo que não aprendeu durante quase 50 anos.
O problema é que agora o tempo já passou e você não tem pique pra realizar nem metade do que planejou e está sentando no sofá de casa, na cadeira do trabalho ou escorado em algum lugar qualquer com pessoas que você chama de amigos e está achando que não estou falando diretamente com você.
A vida está passando, o tempo acabando e você vai ficar parado?
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...