28 de julho de 2014

Parecem palhaços

Você conhece aquelas séries de humor em que uma pessoa mostra para a outra o que não se pode fazer e, mesmo assim, esta insiste em fazer isto apenas para arrancar risadas curtas e forçadas? Não é difícil encontrar situações parecidas na "vida real".
Sabe aquele motorista com 30 anos de experiência em estradas turvas e movimentadas, que sabe exatamente o que acontece na prática e o que pode ou não pode fazer? Muitas vezes, esse cidadão é o mesmo que ri da cara dos pedestres que parecem palhaços parados na beira de uma "faixa de segurança" esperando que chegue o momento de eles atravessarem no lugar que, por lei, é de preferência deles.
- Deivid, por quê tu insistes tanto neste assunto? - me perguntarão nesta próxima semana.
Porque todos os dias eu faço parte do grupo de palhaços que faz rir grande parte dos motoristas desta cidade. Eu, porém, não sou um destes que pinta o rosto de branco com detalhes vermelhos, azuis e verdes e faz malabarismos na sinaleira com bolinha de tênis - mesmo porquê estou longe de ter talento para isso -, também não uso pernas de pau, flores que cospem água ou um nariz vermelho de plástico. Sou um palhaço simples, de roupa normal, pele sem tinta, que trabalha em frente a um computador e que vira personagem e circo na hora que quer ir pra casa.
Garanto que sou só mais um dos muitos palhaços e acho que o asfalto deveria ser pintado de branco - da paz -, com faixas vermelhas em lugares específicos, que representariam as faixas de segurança. Porém, estas seriam pintadas com um vermelho bem forte, da cor do sangue que vai escorrer de um pedestre se você não parar na hora que ele for atravessar. Caso essa estratégia não funcione, vamos pintar com um vermelho de tonalidade mais fraca, para combinar com a cor do nariz dos palhaços que colocam a vida em risco até na hora que deveriam ter mais segurança.
Cumprimentos aos alunos, professores, pais e motoristas profissionais, que de segunda a sábado demonstram educação e respeito ao pararem nas faixas de segurança em frente a uma universidade de Lajeado. Às vezes, não perdem 10 segundos, outras demoram um pouco mais, porém estão passando mais segurança para aqueles que deveriam ter.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...